Academia Mourãoense de Letras | Acadêmicos

Acadêmicos

28

José Dutra de Almeida Lira

José Dutra de Almeida Lira, nasceu em 15 de novembro de 1921, na cidade de Brejo do Cruz (PB). Casado com Maria do Céu Dutra de Almeida, cuja união nasceram os filhos: Josemar e Rhéa.

Chegou em Campo Mourão em 1954, após sua nomeação como Promotor Público. Participou do primeiro júri da comarca de Cascavel realizado no ano de 1954.

Foi fundador e proprietário dos jornais "A Verdade" e o "Piquirivaí" que circularam no final dos anos 50 e começo da década de 60.

Pedro da Veiga, em sua obra "Campo Mourão Centro do Progresso" cita que “...nova tentativa foi realizada pelo Advogado e político José Dutra de Almeida Lira, ao lançar A VERDADE, órgão que conduziu sob imensos sacrifícios, em duas fases intermitentes, sob auspícios do PTB, mas, à causa do seu próprio esforço e dedicação. A VERDADE deixou marcas no jornalismo mourãoense, com as lutas político-partidárias, o eco de sua pugna".

A luta de José Dutra de Almeida Lira em defesa da cidadania, principalmente pelas deficiências da Copel (Companhia Paranaense de Energia) e das altas taxas cobradas dos munícipes, levou-o a ser "fichado" pelo DOPS -  Delegacia de Ordem Política e Social, com sede em Curitiba.

Eleito Vereador em 1959, com 685 votos pelo PTB, compondo assim a 4ª Legislatura da Câmara Municipal, cujo mandato expirou-se em 4 dezembro de 1963.

Foi suplente de deputado estadual pelo PTB e fulião carnavalesco e apaixonado esportista, principalmente pelo futebol.

Com o advento do Regime Militar em 1964, transferiu sua residência para Monteiro/PB . Anos depois se transferiu para Natal, em seguida, militando em Macau no direito trabalhista, defendendo os trabalhadores no setor salineiro.

Faleceu em 15 de junho de 2006, em Natal (RS), aos 85 anos de idade.

Caixa Postal 21 CEP 87.300-970 Campo Mourão PR

contato@academiacm.org.br