Academia Mourãoense de Letras | Acadêmicos

Acadêmicos

39

Pedro da Veiga

Pedro da Veiga nasceu em Jundiaí do Sul (PR) em 9 de dezembro de 1938, filho de José Batista Veiga e Teodora Cardoso, ambos falecidos.

Residiu em Campo Mourão desde o ano de 1955, tendo aqui desenvolvido diversos trabalhos e exercido funções que o tornaram pessoa destacada, além de parte integrante da nossa história, como por exemplo, locutor dos serviços de alto falantes “A Voz Amiga da Cidade” dos dois cinemas que existiam na cidade: Cine Mourão e Cine Teatro Império, função que exerceu até o ano de 1958, quando então em agosto daquele ano, passou a integrar o “cast”da Rádio Colmeia, a convite do seu proprietário, Otávio Rotilli, sendo o primeiro locutor da emissora pioneira.

Nos anos da década de 1960, foi correspondente do Jornal “O Estado do Paraná”, participando da“Página do Interior” de responsabilidade do jornalista proprietário da conceituada revista de grande circulação “Paraná em Páginas”. Sempre ligado com os meios de comunicação, a partir de 1968, foi Diretor Proprietário do jornal “Folha de Campo Mourão”, e, em 1983,da“Tribuna do Interior”.

Na administração do Município, de igual forma, teve marcante e efetiva participação, de 1971 a 1992 exercendo o cargo de Diretor Administrativo nas administrações dos prefeitos: Horácio Amaral, Renato Fernandes Silva, José Pochapski e Augustinho Vecchi (terceiro mandato), sendo Secretário de Administração e Superintendente da Previscam,da qual foi idealizador. Foi fundador e presidente da Assercam – Associação dos Servidores Municipais de Campo Mourão. Esteve envolvido diretamente com a reforma administrativa realizada em 1990, que proporcionou o criação do Regime Único, o Plano de Carreira e Cargos e Salários da Prefeitura de Campo Mourão. Foi também o idealizador da implantação do Órgão Oficial do Município.

Desempenhou inúmeras atividades nas áreas politica, social e religiosa, e participante de vários setores da Igreja, durante o bispado de Dom Eliseu Simões Mendes, de quem granjeava grande e sincera amizade.

Participou da Comissão de Revisão dos Símbolos Municipais em 2005. Foi autor de dois livros: “Campo Mourão, Centro do Progresso”, lançado em 1999 e “Oratórias Históricas”, em 2009, juntamente com o historiador Jair Elias dos Santos Júnior.

A última aparição pública de Pedro da Veigafoi durante a solenidade que marcou os 40 anos da posse de Renato Fernandes Silva na Chefia do Poder Executivo realizado no último dia 31 de janeiro. Naquela oportunidade ele fez a leitura da biografia do ex-prefeito e da ata de posse, lavrada por ele em 1973.

Pedro Veiga faleceu em 3 de março de 2013, em Campo Mourão, terra que tanto amou e defendeu. 

Caixa Postal 21 CEP 87.300-970 Campo Mourão PR

contato@academiacm.org.br